Sine Calmon anuncia campanha para gravação de novas músicas e videoclipes


Autor de sucessos como: "Nayambing Blues" (Trem do Amor) e "O Maluco que Sabia", vive em Cachoeira (Recôncavo Baiano) anuncia campanha para gravação de novas músicas e videoclipes.

Foto: Egi Santana

O cantor, guitarrista e compositor Sine Calmon, uma das referências do Reggae Brasileiro, anuncia um novo momento em sua trajetória artística. Aos 50 anos, o reggaeman autor de sucessos como: "Nayambing Blues" (Trem do Amor) e "O Maluco que Sabia", vive em Cachoeira (Recôncavo Baiano), ambiente de raízes que fortalecem as novas canções que o artista lança este ano no seu trabalho.

"Com apoio de todos os amigos e fãs do Reggae tenho certeza que conseguiremos arrecadar fundos necessários para lançar um álbum em 2016. Faz algum tempo que eu não apresento novas canções e são muitos os pedidos para novas mensagens que precisam ser lançadas no ar", revelou o cantor. "Eu não paro de fazer shows, mantenho o projeto Sexta Reggae no Pelô, em Salvador, e quero continuar levando nessa nova fase da minha vida muito som e consciência para meu público que vem me acompanhando nessa estrada", completa Calmon.

Para o projeto do novo disco, uma equipe de profissionais de diferentes áreas está auxiliando. Com este apoio, novas fotos, videoclipes, devem surgir junto com o EP. As doações podem ser feitas com sete diferentes cotas via plataforma Kicante até o dia 17 /05/2016. Toda verba será direcionada para produção e gravação de cinco faixas inéditas e dois videoclipes. Este projeto vem sendo amadurecido pelo artista já há algum tempo.

Para contribuir com a campanha, basta acessar o link:


Reggae da América do Sul

O som da Jamaica encontrou em Cachoeira um novo porto. A cidade histórica, preservada desde tempos da escravidão, guarda no seu cotidiano memórias que desaguam nas letras de Sine Calmon.
Um dos membros do antológico grupo Remanescentes do Paraguaçu, do qual fizeram parte outros reggaemans importantes na década de 80, Sine Calmon é um dos artistas mais versáteis do Reggae Brasileiro, por transitar entre as matrizes da diáspora, não apenas no gênero jamaicano, mas também explorando ritmos como Blues, Ska e Rocksteady.

Na década de 90, o disco Fogo na Babilônia explodiu nas rádios de todo o Brasil e também no exterior, o que rendeu ao artista a colocação entre os 100 melhores discos da música baiana e uma fama que se traduz nas multidões que Sine Calmon arrasta em suas apresentações.

Recentemente, ele participou com diversos artistas da gravação do DVD dos dez anos da banda Natiruts (Confira Aqui), ocasião em que foi ovacionado entre os músicos da cena, que também motivaram Sine a lançar seu novo disco com apoio dos seus fãs, espalhados de norte a sul do Brasil.