8 coisas que um regueiro precisa saber



Devido tanta gente dizer que gosta de reggae e intitula-se regueiro, só que na hora de falar não sabe, não tem o conhecimento necessário sobre a cultura, é que tivemos a ideia de fazer praticamente um manual do regueiro.

Intitulado "8 coisas que um regueiro precisa saber", são na verdade oito dicas básicas, que depois que você ler e executá-las, não sentirá problema para entender a cultura reggae de uma maneira mais aprofundada e, quem sabe, passar a admirá-la e respeitá-la ainda mais. Vamos lá as dicas?

1 - Sem dúvidas nenhuma, a primeira coisa que todo regueiro deve saber é sobre a História do Reggae (Leia Aqui). Saiba que você precisa saber de tudo sobre a propagação do gênero pelo o mundo.

Bob Marley, o maior propagador
do reggae no mundo.
2 - A segunda não seria diferente. Você tem que saber sobre a pessoa que mais influenciou a propagação do reggae no mundo. Inclusive, podemos afirmar que tiveram muitos, mas esse sem dúvidas foi o que mais se destacou e que, mesmo depois de morto ainda influencia milhares de pessoas, tanto com a sua filosofia; como pelas suas canções. Agora, se você não souber de quem estamos falando, você ainda não deve ser um regueiro afiado. Mas calma! Pois saiba que esse post é exatamente para isso.

Nosso post tem como objetivo ensinar você a se tornar um regueiro afiado e conhecedor da cultura reggae. Sendo assim, a segunda coisa que você precisa para ser um regueiro é conhecer a história do rei do reggae Robert Nesta Marley ou mais conhecido popularmente por Bob Marley (Leia Aqui). Só mais uma dica: pesquise sobre a história, assista documentários, leia escritos para conhecer mais a fundo a história de Marley.

3 - Depois de saber sobre a história do reggae e conhecer a vida do seu maior divulgador e representante. Você precisa agora conhecer sobre uma coisa muito ligada ao ritmo, que é: "A filosofia Rastafári" (Leia Aqui). Também queremos falar, que dentro desse tópico de estudo requer uma atenção a mais, para que você consiga realmente entender a filosofia. Talvez esse assunto seja o mais complexo, já que fala de religião, crenças e modo de viver e ver a vida, mas cabe a cada um a dedicação e reflexão sobre o assunto. Boa pesquisa!

4 - Agora como quarta coisa que você precisa saber é aprender a pesquisar bastante sobre as grandes lendas do reggae internacional para compreender a importância de cada um no cenário mundial.

5 -  Em seguida pesquise bastante também sobre as bandas nacionais.
(Dica: não se esqueça de valorizar as bandas de reggae locais, pois são elas que pode ajudar na divulgação do reggae na sua cidade e quem sabe sua cidade possa vim a ser umas das mais importantes, recebendo grandes eventos, bandas e criando uma cultural local do gênero, pois saiba que São Paulo, São Luís. Belém, Porto Alegre e também Recife não tiveram sempre uma cultural local forte voltada ao reggae, ou seja, a cultura foi criada e aperfeiçoada com o passar do tempo).

6 - Sem dúvidas você também precisa saber o significado das cores que você deve adorar usar. Acesse nosso post e saiba sobre "o verdadeiro significado das cores do reggae" (Acesse Aqui).

7 - Aprenda as gírias da comunidade. Para você que é novo no mundo do reggae, mas que já conversou com algum regueiro mais experiente, já deve ter ouvido um monte de palavras que os regueiros mais antigos costumam falar e talvez você pode não ter entendido ou ter ficado na dúvida do verdadeiro significado de cada uma delas. Outra coisa importante é se você não entender, não tenha vergonha de perguntar, pois é perguntando que se aprende e no futuro próximo você já estará ensinando aos outros que chegarão para conhecer esse vocabulário assim como você.

8 - A última coisa na verdade não é preciso saber, mas sim fazer, ou seja, se você é regueiro já deve fazer, já que regueiro de verdade ouvi reggae todo santo dia e de preferência no último volume pois duvidamos que seu vizinho não goste!

Porque fizemos este post? Queremos dizer que há muitas pessoas nos dias de hoje que nem ao menos procuram saber o que tem por trás da música reggae, entendendo que ela é "apenas" mais um gênero sem cultura, sem história, sem nada de conhecimento a repassar. Porém, isso só acontece com quem pula a parte da cultura, do conhecimento e apenas ouve reggae por ouvir, e passa a entender da forma que quiser, ou seja, as pessoas preferem ficar apenas na famosa zona de conforto de escutar uma música ali, outra aqui, ouvir uma banda e já se achar regueiro. Pulando muitas vezes as coisas mais importantes e que realmente vão lhe transformar em um regueiro mais esperto e consciente.

Agora não se preocupe, se você pulou alguma parte ou está ainda engatinhando, não deixe de aprender sobre esse mundo, pois "Reggae não é moda, Reggae é música e cultura".

Esperamos que nossas dicas sejam úteis, principalmente para você que esteja chegando agora nessa comunidade, desde já, seja bem vindo!